Educa

Lei em Mato Grosso estabelece punições a maus-tratos a animais

Agora é lei. Petshops, clínicas e hospitais veterinários, em Mato Grosso, estão obrigados a informar à Adema, Delegacia Especializada do Meio Ambiente, os casos que configurem violência contra os animais.

A nova legislação estadual estipula que a comunicação à Adema deve ser imediata, por meio de ofício físico ou comunicação digital, quando for detectado sinais de maus tratos aos animais atendidos.

Força da Lei em Florianópolis

O morador que deixar cachorros presos ou sempre acorrentados agora pode ser multado em Florianópolis. Já está em vigor a lei municipal de autoria da vereadora Maria da Graça, n. 10422/2018, que torna a definição de maus-tratos fica mais rígida. A fiscalização será feita pela Direção de Bem-Estar Animal (Dibea).

“Recebemos em média 40 denúncias de maus-tratos por mês, e [a lei] agora vai contribuir mais para população aprender a cuidar corretamente dos cachorros e gatos”, explica ao UOL Fabricia Costa, diretora do Dibea. Para denunciar, é preciso fazer um boletim de ocorrência em qualquer delegacia da capital catarinense, na internet ou pessoalmente.

EBC

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.