Ouça "Episódio 52 - Notícias da Amazônia ao vivo com Lívia Almeida" no Spreaker.

Pandemia traz cenário pessimista para concursos e desanima concurseiros em todo o Brasil

Com o avanço da pandemia do COVID-19 no Brasil, muitos concursos públicos que já tinham publicado o edital foram suspensos ou até mesmo cancelados.

Além disso, houve a aprovação da Lei Complementar n. 173/2020 que, entre outras medidas, proibiu a realização de novos concursos até dezembro de 2021, exceto para reposição de cargos vagos.

Nesse cenário pessimista, muitos candidatos estão desanimando e reduzindo o ritmo de estudos ou até mesmo desistindo do sonho de conquistar uma vaga no serviço público.

Mas será que realmente é hora de desacelerar os estudos para concursos?

Fizemos essa e outras perguntas ao Guilherme Machado, especialista em concursos públicos e autor do blog Quero Passar em Concursos.

Confira abaixo as respostas.

1 – Guilherme, com um cenário tão pessimistas para os concurseiros, é hora de desacelerar os estudos?

Definitivamente a resposta é não.

Por mais que o momento não seja favorável, é fundamental que o candidato mantenha o foco e a motivação nos estudos.

Aqueles que conseguirem manter um bom ritmo de estudos durante a pandemia vão sair na frente dos concorrentes quando tudo isso acabar.

E, uma hora, tudo isso vai passar e os concursos vão voltar.

Já aqueles que diminuírem os estudos ou pararem de estudar, vão demorar muito mais tempo para conseguir retomar o ritmo quando os concursos voltarem.

Assim, o candidato que conseguir manter o foco nos estudos durante a pandemia vai levar vantagem em relação aos concorrentes que colocaram o pé no freio.

2 – Nos próximos meses ou anos o Brasil deve enfrentar uma dura recessão econômica causada pelo Coronavírus. Com isso, os concursos vão ficar prejudicados? 

Certamente alguns órgãos públicos vão puxar o freio de mão e diminuir os gastos, inclusive com pessoal.

Com isso, alguns concursos serão adiados para outros momentos.

Por outro lado, essa crise também pode gerar uma necessidade ainda maior de prestação de serviços públicos essenciais.

Dessa forma, para manter um serviço público com o mínimo de qualidade e eficiência, os órgãos vão precisar repor cargos que ficarem vagos em decorrência de aposentadoria, exonerações e falecimentos.

E essa reposição deve ocorrer por meio de concurso público.

Nesse cenário, acredito que até possa haver uma redução temporária, mas os concursos públicos vão continuar acontecendo.

3 – Essa pandemia deixou muita gente desempregada ou com salário reduzido. Com isso, muitos candidatos estão desistindo de estudar por falta de recursos financeiros para investir em cursos e materiais. Existe uma forma de continuar estudando e gastando pouco?

Sim. Felizmente, os melhores cursos preparatórios para concurso oferecem aulas e materiais gratuitos e de qualidade.

No canal do Youtube e no site oficial de grandes cursos como o Estratégia Concursos e Gran Cursos Online, é possível encontrar uma infinidade de cursos e materiais liberados gratuitamente.

Com isso, é possível fazer uma preparação de alto nível até mesmo sem gastar nada.

4 – Qual a mensagem que você deixa para os concurseiros que estão aflitos e desesperados com essa situação?

Vida de concurseiro não é fácil. Já passei por isso e sei bem como é.  As notícias ruins afetam nosso foco e trazem desânimo e ansiedade.

Contudo, é preciso seguir em frente, mesmo contra tudo e contra todos.

Somente aqueles que tiverem força para superar os obstáculos e seguir em frente serão recompensados com a aprovação.

Uma hora tudo isso vai passar e os concursos serão retomados. Continue estudando e você vai levar vantagem na busca por uma vaga no serviço público.

Lembre-se que o sofrimento é temporário, mas o cargo é pra sempre.

No dia da posse, você vai olhar pra trás e vai ver que valeu a pena ter passado por tantos momentos difíceis e seguido em frente.

Conheça a coleção da Baiuca do Chico Terra

Publicado por Chico Terra em Sábado, 11 de julho de 2020

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: