Semáforos inteligentes começam a funcionar em Macapá nesta sexta-feira (25)

O prefeito Dr. Furlan assina o decreto que institui o sandbox, um ambiente urbano para área de validação de tecnologias, em evento de lançamento do Mobilidade Inteligente

O decreto que cria o sandbox permite a delimitação de uma área, em zona urbana, livre de regulamentação, onde tecnologias inovadoras de Cidades Inteligentes possam ser testadas e validadas. Com esse objetivo, o prefeito de Macapá, Dr. Furlan, assina o decreto de sandbox, nesta sexta-feira (25), em evento de lançamento do projeto de Mobilidade Inteligente, uma iniciativa da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) com a Prefeitura.

O sandbox faz parte do projeto de cidades inteligentes da ABDI que está em instalação na capital do Amapá. A iniciativa conta com a articulação do senador Davi Alcolumbre (DEM).

Ao todo, já foram instalados 36 semáforos inteligentes em 12 cruzamentos da capital, um Centro de Comando e Controle de Operações (CCO) que funcionará na sede da Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac) e um living lab.

Tecnologias

Os semáforos são capazes de identificar o número de veículos em cada uma das vias e liberar o fluxo de acordo com a demanda. Mudam, em tempo real e automaticamente, o seu método de funcionamento com o uso de inteligência artificial. A adoção desta tecnologia, de maneira geral, promove maior qualidade na circulação viária e melhorias em torno de 20% a 30% na fluidez do tráfego, reduzindo o tempo de parada dos veículos.

A ação em Macapá faz parte dos projetos de Cidades Inteligentes da ABDI, que envolvem a integração de tecnologias como Internet das Coisas (IoT), Big Data, Inteligência Artificial e Conectividade. A ABDI tem como missão disponibilizar tecnologias para o setor produtivo brasileiro e para os gestores públicos.

Renovação

Atualmente, a capital possui 126 semáforos instalados nas vias do perímetro urbano. Desse total, 12 grupos semafóricos foram substituídos para execução do programa Cidades Inteligentes. A expectativa da Companhia Municipal de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac) é fazer a substituição dos demais grupos semafóricos para este novo modelo a fim de dar fluidez e aumentar a segurança nas ruas e avenidas da cidade. Para isso, a Prefeitura e a CTMac estão viabilizando recursos junto a Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) e aos parlamentares para o custeio desse investimento.

Secretaria Municipal de Comunicação Social 

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: