Facebook protege celebridades da moderação padrão, diz jornal

André Luiz Dias Goinçalves

O Facebook afirma aplicar suas regras de moderação de conteúdos a todos os que usam a rede social, mas um grupo seleto de usuários teria acesso a concessões especiais. A polêmica foi levantada pelo The Wall Street Journal, em matéria publicada nesta segunda-feira (13).

De acordo com documentos obtidos pelo jornal, “alguns milhões de usuários VIP” do Facebook e do Instagram estariam incluídos em um programa secreto denominado “XCheck”, que tem suas próprias regras de moderação. Esse público pode ser isento de algumas ou todas as normas padrão.

Veja também:
Sebrae premiará projetos com foco em educação empreendedora
Repescagem da vacina contra Covid-19 oferta a 1ª dose para pessoas de 12 anos + nesta terça-feira (14)
MPF lança processo seletivo de estagiários de nível superior no Amapá

Ao contrário dos usuários comuns, que têm uma postagem removida imediatamente caso as tecnologias de inteligência artificial detectem algo errado, os perfis privilegiados conseguem manter tais conteúdos ativos por um tempo. O relatório aponta que eles só podem ser excluídos após passarem por uma moderação diferenciada.

Esse processo inclui moderadores mais bem treinados para garantir a aplicação correta dos termos de uso, mas a publicação afirma que apenas 10% das postagens enviadas foram realmente revisadas. Os documentos mostram ainda que cerca de 5,8 milhões de usuários estavam na lista especial em 2020.

Veja mais no Techmundo

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: