AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Conferência Estadual de Assistência Social inicia nesta quinta-feira

Este ano a 10ª Conferência Estadual de Assistência Social tratará a consolidação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). O evento, promovido pelo Conselho Estadual de Assistência Social do Amapá (Ceas/AP), em conjunto com a Secretaria de Estado da Inclusão e Mobilização Social (SIMS), será realizado no polo I da Universidade Estadual do Amapá, nos dias 15 e 16, a partir de 8h.

Consciente da importância do planejamento da política para os próximos dez anos, o Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) elegeu como tema do evento “Consolidar o SUAS de vez rumo a 2026”, e, de forma complementar, o lema “Pacto Republicano no SUAS rumo a 2026: O SUAS que temos e o SUAS que queremos” foi adotado para os debates e deliberações, visando o amadurecimento da política.

No dia 15, a programação promove debates, palestras e apresentações sobre o eixo norteador “As diretrizes para o SUAS nos próximos dez anos – Plano Decenal 2016-2026” e seus três subtemas: O enfrentamento das situações de desproteções sociais e a cobertura dos serviços, programas, projetos, benefícios e transferência de renda nos territórios; O Pacto Federativo e a consolidação do SUAS; e o Fortalecimento da participação e do controle social para a gestão democrática..

A programação prossegue no dia 16, com a formação de grupos de trabalho que tem como objetivo deliberar novas prioridades para a construção do plano decenal. Após a votação das propostas, será realizada a eleição dos delegados que irão representar o Amapá na 10ª Conferência Nacional de Assistência Social, que acontece de 7 a 10 de dezembro de 2015, em Brasília/DF. Serão 30 delegados, representando os segmentos gestor e sociedade civil, divididos de forma paritária.

As propostas reunidas durante o evento serão apresentadas em Brasília, com participação protagonista de delegados de todo o país, para que os resultados desse processo possam expressar a realidade das diversas localidades brasileiras.

A assistente social e presidente do Ceas/AP, Josinelma Valadares, afirma que a realização da conferência é um desafio. “Estamos defendendo a Política de Assistência Social como uma política pública, direito do cidadão e dever do Estado. Nesse sentido, a responsabilidade torna-se maior quando você acredita, milita e trabalha nessa frente de atuação”.
A programação completa você acompanha pelo link:
https://drive.google.com/file/d/0B_wA-cq33YTMak80MHEya1pMY28/view?ts=561d2be7

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: