Nesta segunda (28) a Justiça do Amapá dará início a 23ª Semana Mensal de Conciliação

De 28 de março a 1º de abril a Justiça do Amapá realiza a 23ª Semana Mensal de Conciliação. O evento acontece simultaneamente nas Varas Cíveis, de Família, Infância e Juventude, Juizados Especiais da Capital e das Comarcas do interior do Estado, além de Secretarias do 2º Grau.

De norte a sul do Amapá serão realizados audiências conciliatórias com o intuito de dar uma resposta consensual à população. As Semanas Mensais de Conciliação fazem parte do calendário de atendimento de todas as Comarcas do Estado.

Só na Central de Conciliação (CEJUSC), localizada no Fórum de Macapá, a média de audiências diárias agendadas para a semana é de 16, somando um total de 80 durante o período. Também está marcado um mutirão temático com causas referentes ao Banco Bradesco, com 100 processos envolvendo direito do consumidor.

Essa será uma oportunidade para os bolsistas e estagiários da Justiça do Amapá, que participaram do Curso de Formação Continuada em Métodos Consensuais de Resolução de Conflitos oferecido pelo NUPEMEC executarem os conhecimentos adquiridos durante o período de formação.

A Coordenadora da Central de Conciliação, juíza Joenilda Lenzi, garantiu que os acadêmicos serão estimulados a aplicarem as técnicas de mediação de conflitos durante a semana, como forma de desenvolverem as informações obtidas no curso.

“As técnicas de mediação e de conciliação também tem um caráter pedagógico, no sentido de fazer com que as pessoas aprendam a lidar com seus próprios conflitos. Queremos ensinar o jurisdicionado a lidar com suas demandas. O TJAP, juntamente com o CNJ, objetiva buscar efetiva pacificação e disseminar essas novas formas de resolução de conflito para toda a sociedade”, reiterou a magistrada.

A Coordenadora também exaltou a medida da Justiça do Amapá que criará as Centrais de Conciliação descentralizadas em vários pontos da capital, com o intuito de resolver principalmente demandas pré-processuais. Os Juizados Sul, Norte, Unifap e extensão FAMA, além do Complexo do MP-AP e a faculdade FAMAP ganharão novos postos de resolução de conflitos.

Assessoria de Comunicação TJAP

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: