Exposição artística exclusivamente feminina apresenta pinturas, fotografias e audiovisual

Intitulada “Oespaçotempoesia”, a mostra exibe trabalhos de 24 artistas contemporâneas do Amazonas a partir desta quinta (9), na Galeria de Artes do ICBEU

Laynna Feitoza
Manaus (AM)

Entre a fauna e a flora, a Mãe Natureza. Entre os lugares, a poesia do tempo. Entre a naturalidade do corpo, a liberdade. A natureza, a poesia e a liberdade são mulheres. Mulheres empoderadas que pintam e fotografam a fauna e a flora, a urbanidade e o corpo, utilizando-os como pilares da exposição “O espaçotempoesia”, a inaugurar dia 9 de novembro, às 19h, na Galeria de Artes Helena Gomes da Silva, no ICBEU. A mostra coletiva exibirá os trabalhos de 24 artistas mulheres da capital amazonense, entre fotografias e pinturas digitais, além de vídeo-artes.

De acordo com o diretor artístico da mostra coletiva, Sérgio Cardoso, a exposição reúne artistas em um patamar de consagração de carreira e outras artistas em emergência, que estão surgindo e lutando por seus lugares. “Entre as obras, temos núcleos de visualidade definidos; temos a Amazônia no olhar das fotografias; temos as urbanidades das estruturas das cidades; temos o intimismo corpóreo, com artistas preocupadas com as questão do corpo. Todas as obras são instalações, elas têm narrativas e significados”, diz Sérgio.

Algo em comum junto aos trabalhos das 24 mulheres, conforme Sérgio, são os tons amarelos. “E elas não combinaram nada. Acho que elas praticaram leituras do tempo. O tempo é luz. Luz é amarela. E é o calor das cores. Tem uma dose de espiritualismo. As cores amarela e laranja indicam uma busca da espiritualidade. E toda exposição é uma manifestação de espiritualidade. Todas as obras artísticas que estão aí são manifestações espirituais de quem busca, de quem acredita, de quem se faz portadora de uma outra gênese. E o poder da gênese não está em ninguém a não ser nas mulheres”, completa Cardoso.

Veja mais no Jornal A Critica

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: