Município participa da reativação da Rede de Atendimento à Mulher em Macapá

A prefeitura participou da reativação da Rede de Atendimento à Mulher em Macapá, na segunda-feira, 27, no auditório do Ministério Público do Complexo Cidadão Zona Norte. No encontro, estiveram presentes representantes dos órgãos que compõem a rede, para definir um plano de enfrentamento à violência contra a mulher. A ação faz parte do calendário de atividades em alusão à Campanha Mundial dos 16 Dias de Ativismo.

De acordo com a coordenadora municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Anne Pariz, o encontrou visa melhorar os atendimentos da Rede. “Esse encontro serviu para reestruturar o atendimento à mulher do estado. Desde 2015 que a Rede não conseguia se reunir para deliberar assuntos inerentes ao público feminino, estamos desde o primeiro semestre sugerindo para a Secretaria de Estado chamar de volta às reuniões periódicas, para que possamos compreender juntos como acontece o fluxo de atendimento e poder manter o diálogo permanente com a Politec, Delegacia de Crimes contra a Mulher e demais órgãos da Rede”.

A secretária nacional de Políticas Públicas para Mulheres, Fátima Pelaes, destacou a contribuição das amapaenses no contexto nacional. “Estamos aqui começando esse debate para que possamos dialogar, detalhar, quais são as nossas dificuldades e onde podemos avançar. Toda a nossa política é feita em cima no Plano Nacional de Políticas Públicas para as Mulheres, que foi construído com a participação de mulheres do Amapá, a exemplo da ex-secretária de Políticas para as Mulheres, Esther de Paula. A memória do Amapá está presente a nível nacional”.

A Rede de Atendimento à Mulher no Amapá é composta por representantes da Polícia Militar, Tribunal de Justiça, Delegacia de Crimes contra a Mulher, Politec, Ministério Público, Secretaria Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres e Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres.

Cliver Campos

Assessor de comunicação/CMPPM

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: