Vários estados sofrem com desabastecimento e alta no preço dos combustíveis

Educa

Em nota oficial, a Associação Brasileira de Supermercadosinformou que alguns estados já começaram a sofrer com o desabastecimento de alimentos, o que pode repercutir no aumento dos preços dos produtos. Isso já estaria ocorrendo no Rio de Janeiro.

Já as indústrias transportadoras de carne afirmaram que há risco de que quase 90% da produção de proteína animal seja interrompida caso a situação não se normalize e o prejuízo pode chegar a US$ 60 milhões.

A paralisação dos caminhoneiros também afetou o transporte público. A Prefeitura de São Paulo informou que cerca de 40% da frota de ônibus na cidade não deve circular nesta quinta-feira (24).

No Rio de Janeiro, a frota opera, também, abaixo da capacidade. O Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis do Rio de Janeiroinformou que 50% dos postos da capital fluminense ficarão totalmente sem combustível para venda nesta quinta-feira (24).

No Distrito Federal, longas filas se formaram nos postos de combustíveis, na noite dessa quarta-feira (23). Em vários postos, a oferta de álcool combustível e gasolina foi zerada. A gasolina chegou a ser vendida a quase R$ 10, na capital do país.

Já em Recife, equipes do Procon interditaram quatro postos por prática de preços abusivos. O caso mais grave foi de um posto que estava cobrando o valor de quase R$ 9 no litro da gasolina.

Ouça também o Repórter Nacional:

EBC

 

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: