Ouça "Episódio 52 - Notícias da Amazônia ao vivo com Lívia Almeida" no Spreaker.

França oferece mais de 700 oportunidades de doutorado, pós-doutorado e estágio de Master para estrangeiros

Maior parte dos editais preveem financiamento através de bolsas ou contratos doutorais
Os brasileiros interessados em realizar sua pesquisa na França devem aproveitar as próximas semanas para enviar suas candidaturas. Apesar da pandemia, universidades e laboratórios franceses continuam trabalhando e recrutando pesquisadores internacionais para os programas que terão início no próximo ano letivo. Mais de 700 chamadas estão disponíveis no catálogo de escolas doutorais do Campus France Brasil.
As vagas são para doutorado pleno, pós-doutorado e estágio de mestrado nas mais diversas áreas. A maior parte delas preveem financiamento através de contrato doutoral ou bolsa de estudos.
Para verificar os pré-requisitos e a data limite de inscrição, é preciso acessar o site. Os critérios de seleção, assim como documentos necessários e nível de idioma, variam conforme a proposta ou escola doutoral. Eventualmente, as escolas permitem que as teses sejam escritas em inglês e algumas ofertas impõem a nacionalidade dos candidatos como critério.
Além de acessar as vagas existentes (disponíveis na aba “ofertas”), os pesquisadores também podem conhecer as diferentes linhas de pesquisa das escolas e enviar um projeto espontaneamente para doutorado pleno, doutorado sanduíche ou cotutela. Todas as informações sobre o tema estão disponíveis no link.
Doutorado na França
A França investe 48 bilhões de euros por ano em pesquisa, o equivalente a 2,24% de seu PIB. Existem 270 escolas doutorais ligadas a 2500 laboratórios de pesquisa públicos espalhados por todo o país. No total, 42% dos doutorandos inscritos nestas instituições são estrangeiros.
O doutorado é o mais alto diploma emitido pelas universidades francesas e pode ser concluído em três anos. A taxa de inscrição no doutorado na França é de 380 euros por ano.
Financiamento para pesquisas
Existem inúmeros mecanismos de financiamento disponíveis para doutorandos internacionais e algumas escolas doutorais exigem um financiamento mínimo para o ingresso. Uma ferramenta útil para a busca de financiamento é o catálogo de bolsas do Campus France Brasil, onde constam 86 bolsas disponíveis para brasileiros.
Os doutorandos também podem verificar juntos às escolas a possibilidade de estabelecer um contrato doutoral, que é um contrato de trabalho assinado entre a instituição e o pesquisador. Outras instituições que utilizam o mesmo mecanismo ou oferecem bolsas de estudos são a Agência Nacional de Pesquisa, órgãos franceses de pesquisa (Cnes, CNRS, CEA, entre outros) ou órgãos de fomento à pesquisa do governo brasileiro (Capes, CNPq, agências estaduais).
Ainda é possível buscar financiamento junto a empresas ou União Europeia. Veja mais informações.
Sobre o Campus France Brasil
Presente em mais de 110 países, Campus France é a agência governamental francesa responsável pela promoção do ensino superior, o acolhimento e a mobilidade internacional. A agência é ligada aos ministérios franceses da Educação e das Relações Exteriores. No Brasil, está vinculada ao Serviço de Cooperação e de Ação Cultural da Embaixada da França.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: