Educa

Cadastro oferece mais de mil vagas de emprego no Rio; salários chegam a R$ 5 mil

O cadastro de emprego da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Relações Internacionais, em parceria com o Sistema Nacional de Emprego (Sine), está com mais de mil vagas disponíveis em diversas cidades do estado do Rio de Janeiro.

Os salários podem chegar a até R$ 5 mil e há oportunidades para todos os níveis de escolaridade, do ensino fundamental incompleto ao nível superior, inclusive para pessoas com deficiência.

A maioria das vagas se concentra na capital, mas também há oportunidades para as regiões Metropolitana, Serrana e do Médio Paraíba.

As inscrições para entrevistas podem ser feitas nos postos de atendimento do Sine ou pelo site empregabrasil.mte.gov.br .

E a prefeitura do Rio também oferece oportunidades de emprego através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Emprego e Inovação, que está com mais de 1,1 mil vagas disponíveis para a capital fluminense, sendo 729 delas para pessoas com deficiência e reabilitados do INSS.

Até quem não tem experiência tem chance de conseguir uma colocação, e há oportunidades para todos os níveis de escolaridade, do ensino fundamental incompleto ao nível superior.

As inscrições para entrevistas podem ser feitas em qualquer uma das sedes dos Centros Municipais de Trabalho e Emprego. As unidades ficam em Campo Grande, na Rua Barcelos Domingos, 162; no Méier, na Rua 24 de Maio, 931; Na Ilha do Governador, na Estrada do Dendê, 2080; no Morro da Providência, na Rua da América, 81; em Guadalupe, na Rua Luiz Coutinho Cavalcanti, 576; em Santa Cruz, na Rua Lopes Moura, 58; na Tijuca, na Rua Camaragibe, 25; e no Centro, na Avenida Presidente Vargas, 1997 – esta unidade é exclusiva para atendimento de pessoas com deficiência.

A secretaria reforça que os interessados precisam levar identidade, CPF, carteira de trabalho e número do PIS.

EBC

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: