Ave-símbolo do Brasil ganha semana de destaque no calendário nacional

papagaio ainda é uma das espécies mais traficadas no país. Pensando na preservação da ave-símbolo do Brasil, o Diário Oficial da União (DOU) publicou recentemente o reconhecimento da terceira semana do mês de abril como a “Semana de Estudos para a Proteção dos Papagaios e demais Psitacídeos Brasileiros“.

Neste ano, o período da comemoração do calendário cai entre os dias 15 e 21 de abril. Além dessas datas, no dia 28 de abril é comemorado o Dia do Observador de Aves no Brasil. Para falar mais sobre esse assunto, Marcelo Ferreira conversou com a coordenadora dos projetos Papagaio-verdadeiro e Papagaio-chauá e membro da Rede de Especialistas em Conservação da Natureza, Gláucia Seixas.

Só no MS já foram apreendidos 10 mil filhotes ao longo de 20 anos. Na entrevista, ela alerta para que a população denuncie.

“Não é proibido ter papagaio como animal de estimação. O que é proibido é ter papagaios que sairam da natureza. É preciso conferir se ele é um bicho legalizado até para não ter problemas com a fiscalização e não corroborar para o tráfico. Às vezes a gente pensa que os outros que são infratores, mas a gente que consome também”, diz ela sobre o comércio ilegal de papagaios e outras aves.

Acompanhe no player acima a entrevista completa.

EBC

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.