AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Escola Antônio Messias abre inscrições para o projeto ‘Peixinhos Voadores’ e hidroginástica

Os alunos da Escola Estadual Professor Antônio Messias Guimarães da Silva, localizada no bairro Zerão, zona sul de Macapá, serão beneficiados com uma parceria firmada entre a escola e a Polícia Militar através do projeto Peixinho Voadores. O projeto oferece aulas de natação a crianças e adolescentes em situação de risco social e começará em agosto. Aulas de hidroginástica também serão oferecidas.

O treinamento será aplicado nas dependências da instituição de ensino, utilizando o espaço e todo o material esportivo necessário. A piscina semiolímpica receberá alunos nos três turnos, sendo 200 alunos nos períodos da manhã e tarde na prática da natação, e, ainda, com oferta de vagas abertas, além de hidroginástica no período noturno.

A parceria também atingirá a comunidade. Os interessados podem inscrever-se até amanhã, 10, com um prazo para o recesso de 11 dias, e a volta das inscrições para o dia 22 de julho, até a finalização das vagas ofertadas. A escola Antônio Messias está situada na Avenida Dom José Maritano, Zerão.

Peixinhos Voadores

O projeto existe há 13 anos e já atendeu mais de cinco mil crianças nos municípios de Macapá, Santana, Mazagão e no Igarapé da Fortaleza (distrito da capital amapaense). Toda a prática esportiva será acompanhada por monitores e por um professor da escola que ajudará no desenvolvimento das atividades.

Para a professora de educação física do Projeto Peixinho Voadores, Edicleide Gonçalves, esta é uma excelente oportunidade de que a polícia aproxime-se cada vez mais da comunidade. “Esperamos uma grande procura já que a atividade esportiva também é um momento de interação e lazer. A natação é um esporte completo tanto para crianças, jovens e adultos, que agrega muitos benefícios a saúde”, pontuou.

De acordo com a diretora da Escola Estadual Antônio Messias, Morgana Almeida, a parceria visa aliar o esporte com a educação, de forma a melhorar a qualidade de vida da comunidade escolar. Morgana destaca ainda que atualmente a escola conta com 1.700 alunos nos ensinos do 5º ao 8º ano e a Educação de Jovens e Adultos (EJA).

“É de suma importância à aplicação e o desenvolvimento dos projetos pedagógicos, no sentido de contribuir para o processo de ensino e aprendizagem juntamente com a comunidade que está muito presente na escola”, destacou.

Enem Solidário

Outro projeto que iniciará em agosto é o Enem Solidário desenvolvido no contra turno com alunos do terceiro ano. No mês de julho está acontecendo todo o planejamento dos projetos para o intensivo que é aliado com a metodologia de trabalho aplicada no dia a dia nas salas de aula.

Saúde na Escola

Previsto também para o dia 26 de agosto a execução de uma parceria com a Unidade Básica de Saúde Leonildo Fontoura, que ofertará em ação social vários exames, vacinação, testes e orientações a comunidade escolar.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: