Operação de combate ao desmatamento no Acre e Amazonas aplica R$ 14 milhões em multa

Mariana Martins

Cento e sessenta e cinco autos de infração, que geraram mais de R$ 14 milhões em multas foram aplicados por conta de desmatamentos ilegais no Acre e em parte do Amazonas.

O Ibama, em parceria com Instituto de Meio Ambiente do Acre e com o Batalhão de Polícia Ambiental do estado, realizou nos últimos dois meses as operações Onda Verde e Assentamento Verde, com o intuito de combater desmatamentos e queimadas no estado. As ações ocorreram nos municípios de Acrelândia, Sena Madureira, Xapurí e Porto Acre, além do Município de Boca do Acre no Amazonas, que fica na divisa dos dois estados.

Sebastião Santos da Silva, chefe da divisão técnica da superintendência do Ibama no Acre, responsável pela fiscalização, destaca os resultados da ação.

Sonora: “As multas foram bastante significativas, mas o mais significativo é que nós conseguimos em três grandes áreas evitar o desmatamento que estavam em andamento. A intenção dos desmatadores era desmatar uma área superior a 2 mil hectares e nós conseguimos chegar antes que menos de 10% dessa área tivesse sido derrubada. Então a ação foi bastante eficaz no sentido de evitar esse desmatamento.”

Para além das multas, cinco pessoas foram levadas para prestarem depoimentos à Polícia Federal. Foram apreendidas ainda duas caminhonetes, cinco tratores, duas motocicletas e vinte motosserras, dentre outros materiais e mantimentos encontrados nos acampamentos. Ainda de acordo com Sebastião Silva, os desmatamentos nesta região são motivados pela ampliação de áreas de pasto para criação de gado.

Rádios EBC

 

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.